quarta-feira, junho 03, 2009

Tian an Men foi há 20 anos

Não conheço a China o suficiente para explicar o que ela é hoje, o que ficou de Tian an men. Os jovens chineses que conheço reconhecem nos eventos de há 20 anos um assunto tabú. Não se fala, não se conhece, ou finge-se nalguns casos. Outros, menos jovens, afirmam oficialmente que foi necessário e que o desenvolvimento actual assim o prova. Tempo, pedem tempo. E também há quem se cale, sem mais.
E quem não se cale. Há milhares de manifestações anualmente contra a corrupção, a mesma queixa afinal. E justiça.

O governo chinês, pelo sim pelo não, tomou precauções, deteve dissidentes, encerrou a internet, policia locais propícios a manifestações. Pelos vistos a memória ainda não morreu e o PC chinês continua cheio de medo... se a indignação de concretiza, é muita gente de facto.
Acrescento das 21:04 de 03/06/2009 - link para artigo interessante do Le Monde, "Un cyber-Tiananmen permanent sur internet", sobre os "caranguejos de rio" ou hexie.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home