quinta-feira, julho 17, 2008

Vou ali buscar uma cadeirinha

Para quem está longe da pátria, como é o meu caso e vai acompanhando o que se passa pelos jornais e telejornais fica difícil perceber o que se passou ao certo na tal Quinta da Fonte. O que já vi de sobra foram entrevistas a moradores pelados de medo e a mudarem-se de mala e cuia para outro lado. As versões são inúmeras seguidas de apresentadores que falam mais ou menos aos gritos. Alguém lhes diga que não é preciso gritarem, é por isso que lá está o microfone. Qualquer dia oiço-os em directo aqui, bastar-me-á ir à janela.
Estou à espera dum documentário/reportagem mais pausada que apresente um pano de fundo, historial do bairro, composição, acontecimentos recentes, histórias semelhantes de sucesso e fracasso. A problemática contextualizada a nível nacional. A opinião de sociólogos (vários), e não apenas do cidadão comum, que não desfazendo para isso tenho a minha, enfim, isto é só uma ideia. E já agora, por que não, exemplos de casos e soluções encontradas noutros países, dado que, embora por vezes se esqueçam, em nada ou quase nada somos caso único. Tudo sem gritos, sem ar de regateio, nem trejeitos de quem está a apresentar o circo ou o incrível livro do Guiness. Estou à espera...

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home